- publicidade -

Nós, amantes do churrasco, interpretamo-lo, e às churrasqueiras, como o fast food português. Ainda não havia os McDonalds e os drive-ins e há décadas que os portugueses faziam fila nas churrasqueiras para frango e costelinha. Habituamo-nos a pensar no frango do churrasco como a comida rápida para aqueles dias em que não queremos pensar no que fazer para o jantar ou simplesmente não nos apetece cozinhar.

Imagens: Paulo Russell-Pinto

As churrasqueiras foram abrindo e, como em qualquer mercado em desenvolvimento, também se começaram a especializar. O Tourigalo, marca proveniente da Casa dos Frangos na Póvoa de Varzim, foi uma dessas até abrir no Porto, na avenida da Boavista, um espaço a que eu chamo uma “churrasqueira premium”, rara em Portugal (mas que não devemos confundir com steakhouse). Do Tourigalo conheço os espaços da Maia, em Guardeiras e da Trofa, mas a modernidade e estilo da casa da Boavista tornam-na num lugar confortável, embora muito grande e com pormenores de serviço agradáveis, que outras churrasqueiras não têm. 

Mandei vir por estafeta uma das pérolas da lista do Tourigalo: a costelinha de vitela.

É uma peça onde abunda a gordura e é esta que lhe dá o sabor e a personalidade. A relação entre a gordura e a proteína empurra-nos para o equilíbrio de sabores e foco na saúde, mas o sabor desta peça é feito pela conjugação dos dois. Não há como fugir.

A sair do osso sem dificuldade, a fibra da carne longa e intensa é bem grelhada, com um sabor ligeiramente doce e seco, a ervas aromáticas, no final, a mostrar uma marinada e tempero bem pensados e melhor executados. Acompanhou com batata nova assada, densa e saborosa, e grelos soltos de finalzinho amargo, como mandam as regras. Um bom acompanhamento para a costelinha, talvez melhor que o clássico arroz e babata frita, que era o que vinha na encomenda.

É por isto que, perdida no meio da lista e a um preço confortável, a costelinha de vitela do Tourigalo é uma pérola do seu churrasco. Propõe-nos novos sabores, mais complexidade na grelha que o frango ou a sua congénere de porco, e cumpre em todas as medidas: conforta-nos e surpreende-nos!

Comentários

comentários

- publicidade -