- publicidade -

Amanhã, sábado, 4 de dezembro, pelas 21 horas, decorre na Casa da Cultura de Paredes um evento dedicado a Daniel Faria, poeta paredense que, se fosse vivo, em 2021 completaria 50 anos. Neste âmbito, foi realizado e será apresentado publicamente um filme documental sobre o poeta, um dos maiores da poesia mística portuguesa contemporânea.

Uma obra documental que procura desvendar o que ficou por dizer sobre Daniel Faria. Se fosse vivo, Daniel completaria 50 anos em 2021.

Mais de duas décadas após a sua morte, este filme alude ao que o Daniel escreveu e disse, mas também a tudo o que interiorizou e calou: uma dicotomia sempre presente neste poeta e pensador natural de Paredes.

Da autoria da jornalista e realizadora Marlene Maia, a obra vive dos testemunhos de quem, em vida, foi mais próximo do poeta. Familiares e amigos que com generosidade e emoção o relembram, dando ênfase às suas virtudes e recordando momentos de partilha com ele.

Filmada em cenários por onde Daniel passou, bem como em Roma e no Vaticano, a aventura documental faz ainda uma abordagem às várias manifestações do belo que ele tanto amava: além da literatura, o teatro, o cinema, as artes plásticas…

- publicidade -