InícioCulturaReta final da temporada no Teatro Municipal do Porto com dança, projeto...

Reta final da temporada no Teatro Municipal do Porto com dança, projeto colaborativo e circo contemporâneo

Published on

Na reta final da temporada 2023-2024, o Teatro Municipal do Porto recebe, no Grande Auditório do Rivoli, a Companhia Nacional de Bailado (CNB), o coletivo (LA) HORDE – Bailado Nacional de Marselha, e o projeto artístico Visões Úteis. A fechar, o Rivoli é palco de um espetáculo do Trengo Festival de Circo do Porto.

Sinfonia Dos Salmos; Vasco Wellenkamp; Ensaio; Palco; Ensaio Pré Geral; CNB; Companhia Nacional de Bailado; Dança; Bailarinos; Teatro Municipal Joaquim Benite; Almada; © Hugo David 2024

Dias 30 e 31 de maio e 1 de junho, a CNB apresenta, no Grande Auditório, três peças de coreógrafos de referência da dança contemporânea: Hofesh Shechter, Ohad Naharin e Vasco Wellenkamp – convidado a criar uma nova coreografia para a CNB. A “Sinfonia dos Salmos”, de Wellenkamp, junta-se “Minus 16”, de Naharin, que volta a ser interpretada pela companhia, e “Uprising”, de Shechter, que entra pela primeira vez para o repertório da CNB.

Em junho, dias 6 e 7, estreia “ZHA! LARAY”, do projeto artístico Visões Úteis. Criadores ciganos e não-ciganos lançam, juntos, um novo olhar sobre o legado cultural e patrimonial da cidade do Porto. Através de uma abordagem de intervenção consciencializadora, de empoderamento e capacitação, com recurso a atividades criativas, formativas e de produção artística, e por meio da implementação de processos e metodologias participativas, o projeto ZHA! atua na freguesia de Campanhã, numa lógica de mudança da realidade social, no sentido de possibilitar experiências e vivências diferenciadoras que possam influenciar
de forma positiva a comunidade.

ZHA! pretende intervir na exclusão social desta minoria étnica pela valorização, preservação e disseminação das suas práticas culturais e materializando a criação artística e cultural da comunidade em produtos passíveis de difusão.

coletivo (LA) HORDE – Bailado Nacional de Marselha. Créditos Blandine Soulage

Dias 14 e 15 de junho estreia, em Portugal, “Age of Content” do coletivo (LA) HORDE – Bailado Nacional de Marselha. Uma peça que questiona a relação física e emocional com a abundância de conteúdo e realidades simultâneas que caracterizam o mundo atual. O virtual já não é uma mera representação da realidade, tem uma existência própria e autónoma com influência direta na forma como se comunica. Um multiverso onde os princípios de tempo e espaço são desconstruídos e onde se existe de múltiplas maneiras.

No dia 15 realiza-se um Aquecimento Paralelo com Melissa Sousa, no âmbito de “Age of Content”, às 17h00, na Praça D. João I. A participação é gratuita, mas de inscrição obrigatória por mail.

Understage com Angélica Salvi, Ece Canli, João Pais Filipe e Pedro Augusto. créditos: Carolina Ribeiro

Também a 14, o último Understage da temporada, em parceria com Lovers & Lollypops, com Angélica Salvi, Ece Canli, João Pais Filipe e Pedro Augusto. Quatro músicos e compositores com provas dadas na música experimental, na eletrónica e na investigação sonora. Às 22h30 será apresentado, pela primeira vez ao vivo, o disco que gravaram durante a pandemia, que tem tanto de frugal como de pujante, de transe magnético com um trabalho de composição original de voz, percussão, harpa e sintetizadores.

A 9.ª edição do Trengo Festival de Circo do Porto apresenta, no Palco do Grande Auditório do Rivoli, “RÉSISTE”, de Les filles du renard pâle, dias 28 e 29 junho. Um espetáculo em arame instável, com música visceral e uma funambulista numa luta absurda como um grito de liberdade.

Os bilhetes para os espetáculos estão disponíveis nas bilheteiras do Teatro Rivoli, Teatro Campo Alegre e on-line.

últimos artigos

Magnus Andersson volta ao andebol do FC Porto

O treinador sueco de 58 anos foi apresentado na manhã desta quinta-feira como técnico...

A grande entrevista aos Maquina.

O Global News esteve à conversa com a Maquina. no dia em que atuaram...

Espectáculo Pulp e concerto The National encerram em grande o Primavera Sound Porto 2024

Encerrou em grande a 12ª edição do Primavera Sound Porto e nem a chuva...

Palco Vodafone sem sinal deixa festivaleiros injustiçados no Primavera Sound Porto

O segundo dia do Primavera Sound Porto, provavelmente o mais fofinho dos três dias...

mais artigos

Magnus Andersson volta ao andebol do FC Porto

O treinador sueco de 58 anos foi apresentado na manhã desta quinta-feira como técnico...

A grande entrevista aos Maquina.

O Global News esteve à conversa com a Maquina. no dia em que atuaram...

Espectáculo Pulp e concerto The National encerram em grande o Primavera Sound Porto 2024

Encerrou em grande a 12ª edição do Primavera Sound Porto e nem a chuva...