Foram cerca de 3000 os manifestantes que se fizeram ouvir na “Marcha do Clima”, este sábado, na cidade de Katowice, no sul da Polónia.

Aproveitando a COP24, Conferência das Nações Unidas sobre Mudanças Climáticas naquela cidade, que contemplou representantes de mais de 200 países, os manifestantes fizeram-se ouvir com protestos onde o símbolo da marcha foi um despertador. Este símbolo procurava despertar os governos para a urgência em tomarem medidas mundiais sobre o clima, mais duras e urgentes.

créditos: Diogo Baptista

Este despertador é também um símbolo de que não há tempo a perder para corrigir os erros cometidos pela população. A eliminação dos combustíveis fósseis foi outra das reivindicações dos manifestantes, protestando também contra a produção em grande escala de carnes, organismos geneticamente modificados, utilização de pesticidas e a extinção de espécies ameaçadas.

Participaram nesta marcha desde agricultores da América Latina,ambientalistas da Ásia, estudantes dos Estados Unidos e civis de várias nacionalidades.

.

 

Comentários

comentários

Powered by Facebook Comments