Esta quinta ronda europeia foi má para quatro dos seis clubes portugueses
- publicidade -
Competições da UEFA: FC Porto apurado, numa jornada positiva para os clubes portugueses | [caption id="attachment_1835" align="aligncenter" width="300"] Portugal conseguiu recuperar o quinto lugar do Ranking da UEFA[/caption] Esta foi mais uma s Global News Portugal
Portugal conseguiu recuperar o quinto lugar do Ranking da UEFA

Esta foi mais uma semana de competições europeias e pode dizer-se que os emblemas portugueses presentes nas duas competições tiveram comportamentos idênticos. Isto porque na Liga dos Campeões houve uma vitória, um empate e uma derrota, um cenário que se repetiu na Liga Europa.

Na Liga milionária, a única vitória lusa sorriu ao Benfica que bateu na Luz o Spartak de Moscovo e ganhou um novo alento para as duas derradeiras partidas do Grupo G. Os encarnados ocupam agora a terceira posição, com quatro pontos e estão a três do Celtic, que bateu de forma inesperada o Barcelona e atrapalhou as contas do clube português. Contas para serem acertadas na recepção aos escoceses.O último jogo desta fase de grupos está marcada para Camp Nou.

Ficha de jogo e minuto a minuto
Crónica
Resultados e classificação

O FC Porto interrompeu a série de três jogos consecutivos a vencer nesta Liga dos Campeões, mas o empate em Kiev até soube a triunfo. Os dragões somaram 10 pontos e garantiram um lugar nos oitavos de final da Liga dos Campeões, quando ainda faltam disputar duas jornadas. Os dragões continuam em primeiro lugar, mas viram aproximar-se o PSG, que goleou o frágil Dínamo de Zagreb. Os croatas serão próximo adversários dos azuis e brancos, que terminam esta fase de grupos em Paris.

Ficha de jogo e minuto a minuto
Crónica
Resultados e classificação

A derrota nesta jornada coube ao Sp. Braga, que recebeu o colosso Manchester United. Mas as grandes diferenças de orçamento entre ambas as instituições não se notou, na maior parte do tempo, no Axa. Esta ideia é também aplicável ao encontro realizado em Old Trafford. Na cidade dos Arcebispos, o Sp. Braga voltou a mostrar os pecadilhos que o têm apoquentado ao longo desta época: os erros defensivos. Parece que este Sp. Braga de José Peseiro é mais seguro fora de casa. De qualquer forma, está tudo em aberto para os arsenalistas, apesar do último lugar no Grupo H. A equipa portuguesa desloca-se ao terreno do Cluj e decide tudo em casa com o Galatasaray.

Ficha de jogo e minuto a minuto
Crónica
Resultados e classificação

Derivando para a Liga Europa, a segunda competição mais importtante da UEFA deu igualmente quatro pontos a Portugal.

Os três pontos foram somados talvez pela equipa portuguesa da qual menos se esperava. A Académica fez jus ao cognome de Briosa e jogou de peito aberto ante o detentor do troféu, nada menos que o Atlético de Madrid.

E foram vários os motivos pelos quais a Académica fez história. Há 43 anos que os estudantes não obtinham uma vitória internacional. Impuseram a primeira derrota ao Atlético de Madrid em 16 jogos. Destronaram o actual segundo classificado da Liga espanhola.

Não pode dizer-se que os estudantes fizeram uma primeira parte avassaladora, mas, à excepção de um passe do guarda-redes Ricardo para os pés dos avançados espanhóis, nunca permitiram veleidades aos forasteiros. Wilson Eduardo brilhou a dobrar, com um golo em cada parte (o primeiro é de um oportunismo digno de um grande ponta-de-lança).

Os segundos 45 minutos trouxeram um Atlético de Madrid bem diferente, colocando em sentido a formação de Coimbra e dando muito trabalho a Ricardo.

Mas a formação orientada por Pedro Emanuel foi valente, aumentou a contagem através de uma grande penalidade e segurou uma vitória precisosa. A Académica está no terceiro lugar, com quatro pontos somados, a cinco dos checos do Viktoria Plezen. A Briosa recebe precisamente a formação checa e termina esta fase de grupos no terreno dos israelitas do Hapoel Tel-Aviv.

Resultados e classificação

O Sporting continua na senda dos maus resultados e esta semana voltou a não conseguir vencer. Nem o novo técnico Franky Vercauteren permitiu aos leões quebrarem um ciclo agora de oito jogos sem vencer. A fomação de Alvalade segura a lanterna vermelha do Grupo G, mas ainda acalenta esperanças de apuramento. Para isso terá de vencer na Suíça o Basileia e derrotar em casa o Videoton.

Ficha de jogo e minuto a minuto
Crónica
Resultados e classificação

Quem também está em maus lençóis é o Marítimo, que perdeu pela margem mínima na deslocação ao terreno do Bordéus. Os insulares entraram mal no jogo e permitira que a equipa gaulesa abrisse o activo logo aos três minutos. E ao longo do primeiro tempo, os madeirenses parece terem sentido esse golo madrugador de Bellion.

Mas o cenário alterou-se de foma significtiva no segundo tempo. Os pupilos de Pedro Martins criaram ocasiões mais do que suficientes para empatarem, mas nunca tiveram arte para o fazer. O lance mais flagrante aconteceu à entrada para os últimos dez minuto da partida. Heldon ganha no corpo a corpo e já dentro da área cruza de forma milimétrica para Fidelis cabecear na atmosfera.

Pouco depois, o Marítimo logrou mesmo introduzir a bola na baliza de Carrasso, mas Roberge estava em posição irregular. O Marítimo atrasa-se ainda mais no objectivo de se qualificar para os 16 avos de final da Liga Europa. No outro encontro deste grupo D, o Club Brugge empatou em casa com o Newcastle a dua bolas. O Marítimo é último com apenas dois pontos somados e na próxima ronda há uma deslocação ao reduto do Newcastle. Depois, termina esta fase de grupos nos Barreiros ante o Club Brugge.

Resultados e classificação

Ranking

As duas vitórias e os dois empates chegaram para Portugal regressar ao quinto lugar no Ranking da UEFA, ultrapassando a França. Mas a vantagem sobre os gauleses é mínima: 0,166 pontos. Ou seja, o equivalente a um empate e uma derrota.

Recorde-se que Portugal começou a presente temporada a defender o quinto lugar conquistado na época passada.
A vantagem do quinto lugar em relação ao sexto é que o terceiro classificado na Liga Zon Sagres tem acesso directo ao ‘play-off’ e não tem necessidade de jogar a terceira pré-eliminatória.

O nosso país tem nesta altura três equipas na fase de grupos da Liga dos Campeões e outras tantas na fase de grupos da Liga Europa.

Espanha – 79.311
Inglaterra – 75.249
Alemanha – 70.043
Itália – 56.814
PORTUGAL– 54.334
França – 54.166
Ucrânia – 46.758
Holanda – 44.015
Rússia – 42.332
10º Grécia – 33.400

Comentários

comentários

Powered by Facebook Comments

- publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.